Autismo e rotina: fazer as coisas sempre do mesmo jeito.

Descrição de imagem: Fundo branco. Autismo escrito em azul, em cima de uma linha verde. Ao lado, um boneco segura objeto vermelho.

Uma das características do autismo é a insistência na mesmice. Muitas pessoas com essa síndrome são muito apegadas à rotina. Por exemplo, podem querer comer sempre as mesmas coisas ou brincar sempre do mesmo jeito! Curioso, não?

No meu caso, lembro que, por exemplo, eu gostava de ver sempre os mesmos filmes. Era do tipo que julgava pela capa. Se ela me agradasse, eu dava uma chance ao filme. Caso gostasse, queria ver esse filme e só esse filme! A mesma coisa com lugares. Se fôssemos a um lugar e eu gostasse dele, queria sempre ir lá. Se sugerissem outro, ligava o modo rabugenta na mesma hora.

Com comida era a mesma coisa. “Qual sabor de pizza você vai querer, Alice?”. Que nada! Nem precisava perguntar. Era certo que eu iria querer de quatro queijos e sempre esse sabor! Até que meus pais me proibiram de pedir minha metade da pizza de quatro queijos. Eles enjoaram da mesmice, mas eu dificilmente enjoo de fazer as coisas sempre do mesmo jeito. Vão me proibir de pedir pizza de quatro queijos? Pois bem! Agora peço sempre de frango com catupiry. 😀

Para jogar video game, gostava, e ainda gosto, de escolher sempre o mesmo personagem, jogar sempre da mesma forma e ir sempre nas mesmas fases. Só agora estou conseguindo superar isso, pois jogo um jogo chamado Overwatch e consigo jogar com a maioria dos personagens. Isso até meu lindíssimo namorado me presentear com um jogo chamado Call of Duty. Daí voltei às raízes e jogo sempre com o mesmo personagem. Sou assim. Fazer o quê?

Muitos autistas são apegados a horários, e comigo não é diferente. Gosto de tomar os meus remédios da noite às 20h00 em ponto! Nem um minuto antes, nem um minuto depois. Ordem também é importante: Depois de levantar: ir ao banheiro; depois de ir ao banheiro: café da manhã; depois do café: banho. E assim vai.

Essa característica tem algo de ruim: ela me atrapalha para descobrir novas experiências. Por exemplo, conhecer um lugar novo, achar outro personagem do jogo que eu também goste, aprender outra forma de prender o cabelo ou uma forma mais prática de fazer alguma coisa. Gosto de fazer os mesmos caminhos, usar os mesmos tipos de roupas e assim por diante. Se não fosse a minha mãe, acho que eu usaria todos os dias as mesmas roupas!

É muito difícil para uma pessoa com autismo variar seu repertório. Isso se dá devido a uma dificuldade de flexibilidade mental. Mas não se preocupem! Isso é tratável com terapia e muita paciência. É importante entender que o autista gosta de suas rotinas porque, para ele, o mundo já é caótico e confuso demais! Alguma coisa tem que fazer sentido, não é mesmo? Ou a ansiedade acaba nos drenando.

Espero que você tenha entendido um pouco mais sobre autismo lendo essa matéria. Ficaria muito feliz se você pudesse compartilhar com seus amigos para gerar mais conscientização sobre o assunto e ajudar muitas pessoas! Não esqueça de visitar minha página no facebook: A Menina Neurodiversa! Muito obrigada e tchau tchau!

4 comentários sobre “Autismo e rotina: fazer as coisas sempre do mesmo jeito.

  1. Cláudia 8 de abril de 2019 / 22:13

    Que lindo texto filha!!Parabéns por sempre pensar no próximo!Tenho muito orgulho de ti!!!I love you soooo much!!

    Curtir

  2. Rosita Coimbra 9 de abril de 2019 / 01:03

    Adorei Alice, aprendendo muito, com você, cada texto devoro todo e me orgulho de você e suas superações!! Beijos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s